terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Orgulho

Fechas a mão
Como se te fechasses nela.
E assim ficas argumento
De um discussão.
Nada mais acrescenta,
Apenas o que levas
Dentro da mão fechada
Que é, a rigor, nada.

Sem comentários: