quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

nota breve

Com um tijolo na cabeça
Um garrote no peito
E uma nascente no nariz
Que me deixam em lume brando.

As verdades, de facto, são assim mesmo
Só na adversidade damos conta
Do quanto temos a agradecer o dia a dia
Pela nossa estabilidade funcional

Sem comentários: