terça-feira, 11 de outubro de 2016

Do Verão

E, apesar do Sol,
A areia já não me aquece.
Fico com os pés frios
Enterrados na tua ausência.
O dia cedo termina
Noutra melodia do mar

É esta humidade tola
Que se pega à minha alma
Assim que acaba o Verão.

Sem comentários: